Saúde realiza 15.388 atendimentos nos primeiros quatro meses de 2019

Saúde14/06/2019, 10:06:00 Total de Visualizações: 1819

Secretária Municipal de Saúde apresenta os dados para a população presente - Assessoria de Comunicação

Na manhã desta sexta-feira (14), no Anfiteatro Ramez Tebet, a secretária municipal de Saúde, Adeliza Abrami apresentou a Audiência Pública de Prestação de Contas referente ao 1º quadrimestre de 2019. Segundo a secretária da pasta, entre janeiro e abril foram realizados 15.388 atendimentos em todas as unidades.

Os agentes comunitários de saúde das quatro unidades realizaram 13.219 visitas domiciliares nos últimos quatro meses. Já na saúde bucal, foram realizados 1.930 procedimentos preventivos e curativos e 139 de exodontia.

O Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) realizou diversas ações tais como: atendimento com a assistente social por meio de visitas domiciliares, atendimento ao público com infecções sexualmente transmissíveis, estudo social de planejamento familiar, atendimento fisioterapêutico domiciliar, avaliação de grau de incapacidade na hanseníase, atendimento psicológico com psicoterapia para usuários do SUS e encaminhamentos da justiça e documentação.

Na fonoaudiologia, foram realizados 255 atendimentos individuais, 45 atendimentos de teste da lingüinha e da orelhinha. Na psicologia foram três atendimentos domiciliares e 326 atendimentos individuais e três atividades coletivas.

Na Clínica de Fisioterapia, foram realizados 468 atendimentos e no Programa de Academia da Saúde, foram registrados 434 atendimentos.

A área de serviço social da Saúde foi realizada 217 orientações sociais, nove visitas domiciliares, 11 atendimentos de Programa de Planejamento Familiar, três articulações para Internação Psiquiátrica, uma internação efetivada, três atendimentos hospitalar e 45 atendimentos hospitalares de IST.

Na Gestão de Processos, foram atendidos 27 pacientes para distribuição de fraldas e 39 para distribuição de leite. Além disso, oito pacientes foram atendidos com canetas de insulinas. Além disso, foram entregues para 12 pacientes materiais de enfermagem.

Na Farmácia Central, de janeiro a abril foram atendidos 9.497 pessoas de segunda a sexta-feira e 546.222 medicamentos dispensados. No Laboratório Municipal foram realizados 1.298 exames no laboratório e 1.000 no hospital, sendo 40 tipos de exames.

Na Central de Regulação, foram realizadas 808 consultas especializadas, 209 exames especializados e 164 viagens de referência (Três Lagoas e Campo Grande).

A Saúde também encaminhou entre janeiro a abril deste ano mulheres de 40 a 69 anos para a realização de exames no Hospital do Amor em Nova Andradina (MS). Foram realizadas 36 mamografias, 21 ultrassom de mama para investigação, nenhuma biopsia, cinco colposcopia.

No Controle de Zoonoses, desde fevereiro de 2018 do Centro de Zoonoses de Três Lagoas não aceitou mais o envio de cães soropositivos para eutanásia dos municípios vizinhos, na qual resultou a não realização de testes rápidos e não recolhimento de cães em Brasilândia. A equipe desenvolveu atividades educativas e orientações aos proprietários de cães suspeitos de Leishmaniose para encaminhar os casos à rede privada.

 Na Vigilância Epidemiológica, foram aplicadas 1.534 vacinas contra o vírus Influenza.

Na Vigilância Sanitária, foram realizadas 113 inspeções sanitárias, 113 alvarás expedidos, três denúncias recebidas e atendidas. No Controle de Endemias, nenhuma residência foi borrifada contra a Leishmaniose e houve 9.821 inspeções de imóveis no combate ao mosquito da Dengue.

Na Vigilância Ambiental, foram realizadas 30 coletas de águas para análise; 30 envios de amostras para o Laboratório Central (LACEN), seis amostras com resultados de “não potável” e 10 atividades educativas de orientação.

Sobre a aplicação de recursos, Adeliza informou que entre janeiro a abril foi aplicado 15,59% na Saúde, sendo que o mínimo deve ser 15%.

No fim da reunião, a secretária agradeceu a participação de todos e em especial de todos os colaboradores na área da saúde para a realização dos serviços prestados à população brasilandense.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação