Programa Mãos à Obra II terá investimentos com recursos federais e próprios

Obras14/09/2018, 11:28:00 Total de Visualizações: 91

Uma das obras que já está em andamento é o novo espaço para Secretaria Municipal de Serviços Urbanos - Assessoria de Comunicação

O Centro Cultural Ramez Tebet foi palco para a cerimônia de lançamento do Programa Mãos à II, anunciado pelo prefeito Dr. Antonio Thiago, na noite desta quinta-feira (13). O local ficou praticamente lotado e recebeu  a presença do ministro-chefe da Presidência da República, Carlos Marun e da senadora da República, Simone Tebet. Os investimentos chegam ao total R$ 34 milhões em obras.

Segundo o prefeito Dr. Antonio, o programa está em dividido em três etapas, na qual na primeira é somente com recursos do Governo Federal, na qual abrange oito investimentos; na segunda com recursos próprios e tem onze investimentos e a terceira com recursos compensatórios da CESP, por conta construção da Usina de Porto Primavera no final da década de 90 e o município foi impactado.

Na etapa I, serão oito metas com os seguintes investimentos: pavimentação asfáltica e micro drenagem na Avenida Brasil; pavimentação asfáltica com micro drenagem de parte do bairro Isaque Honorato; pavimentação asfáltica com micro e macro drenagem de parte dos bairros José Arara e Juvenal Uchôa; construção da quadra poliesportiva do Reassentamento Novo Porto João André; melhoria no sistema de abastecimetno de água nos assentamentos rurais; reforma geral geral do Ginásio Municipal de Esportes; recapeamento asfáltico na Avenida José Estevam Filho e pavimentação e drenagem de parte do bairro José Inácio Batista. O investimento será de aproximadamente R$ 9 milhões.

Na etapa II, serão onze metas com os seguintes investimentos: sinalização horizontal e vertical de todas ruas pavimentadas; recuperação das vias urbanas com recapeamento; substituição de 75% das lâmpadas de vapor de sódio por LED; implantação de 100% de iluminação pública nas ruas do município; instalação de energia elétrica no bairro Isaque Honorato com iluminação pública; reforma e adequações da área de fisioterapia do Parque Akira Otsubo; reforma e adequações no Centro de Convivência do Idoso; recuperação de estradas vicinais; adequação de espaço público para instalação da secretaria municipal de Serviços Urbanos; construção de Praça Poliesportiva no Ginásio de Esportes e Reforma da Concha Acústica e Anfiteatro Ramez Tebet, na Praça Santa Maria. Os valores de investimentos no total serão de R$ 10 milhões.

Já a terceira etapa, o prefeito explicou que será realizada em breve uma audiência pública junto com a população para definir onde serão aplicados os recursos. A ação será feita somente após o depósito da conta da CESP. Aproximadamente, serão em torno de R$ 15 milhões.

O Ministério Público Estadual, Paulo Henrique Mendonça de Freitas, também fez o uso da palavra e disse aos presentes sobre o processo que está em andamento na Justiça, sobre a  disponibilização do  recurso compensatório para Brasilândia e outros municípios que foram impactados com a construção da Usina Hidroelétrica.

A senadora Simonet Tebet parabenizou o prefeito pelo Programa que mesmo em crise, está investindo em Brasilândia. A parlamentar também disse que seu gabinete está de portas abertas para solicitar melhorias no município.

O ministro-chefe da presidência, Carlos Marun, lembrou da sua trajetória na área de habitação em Mato Grosso do Sul e atualmente na esfera federal e além disso, também se colocou à disposição para desenvolver ações em prol de Brasilândia.

O evento também contou com a presença do prefeito de Pauliceia, Ermes Silva, de todos os secretários municipais, dos vereadores Aurineia Halsback e Domingos, além dos presidentes das entidades e da população local.

Fonte: Divulgação/PMB