Dia Internacional da Síndrome de Down é celebrado pela Apae de Brasilândia

Educação22/03/2018, 14:59:00 Total de Visualizações: 180

Apae de Brasilândia fez mobilização no Parque - Assessoria de Comunicação

O Parque Akira Otsubo foi palco da celebração do Dia Internacional da Sindrome de Down, realizada na manhã desta quarta-feira (21), pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Brasilândia. A data contou com uma série de atividades desenvolvidas pela entidade que recebe o apoio da Prefeitura de Brasilândia.

Atualmente, a Apae conta com seis participantes com Sindrome de Down, dois deles, Polliana e Caio, estudantes da Escola Municipal Antonio Henrique Filho, estiveram junto com os seus colegas de classe no evento.

A esposa do prefeito de Brasilândia, Cibele Thiago, representou Dr. Antonio Thiago no evento e ressaltou a importância da data para dar visibilidade às pessoas com Sindrome de Down. "Eu parabenizo em especial as mães que lutam com garra para o bem dos seus filhos e mostram a força que tem para lidar com as dificuldades do dia a dia", disse.

A esposa do presidente da entidade, Andreia Rodrigues, representou Idalecio Rodrigues na celebração e também agradeceu a participação de todos na data comemorativa bem como o trabalho desenvolvidos por todos em prol da Apae.

O vereador e fisioterapeuta Dr. Alexandre Rodrigues Carlos lembrou recentemente de um fato que repercurtiu a nível nacional em que uma juíza criticou o trabalho de uma professora com Síndrome de Down. "As pessoas podem ser o que elas quiserem, pois tem capacidade de se superarem", destacou, também, parabenizou toda a equipe da Apae.

A secretária adjunta da Educação, Cristina Damião, ressaltou a importância de desmistificar preconceitos levantados pela sociedade em relação à Síndrome de Down. "Precisamos mostrar que não é uma doença e que todos podem viver incluídos em qualquer atividade, pois é importante mostrar as diferenças é normal", destaca.

A coordenadora da Atenção Básica, Michele Ladeia, representou a secretária de Saúde, Adeliza Abrami também agradeceu e parabenizou o trabalho desenvolvido pela Apae em parceria com a Saúde.

Além disso, o dia contou com exposição de fotos com o tema “Meu Filho é Down e Daí?”, uma caminhada com cartazes. Houve também uma mini palestra com a psicóloga Carla Lomba sobre “Cidadão Down com vida saudável, fazendo escolhas e concretizando metas”. E por fim, foi servido um café da manhã para todos os presentes.

A diretora da Apae, Josiani Cardoso, comemorou o resultado do evento realizado pela Apae. “Foi muito positivo , pois nosso objetivo era conscientizar as pessoas que ser Down é normal, que eles podem levar uma vida da mesma forma que nós. Acredito que quanto mais informação a respeito é melhor e estaremos fazendo de tudo para mudar a forma de pensar das pessoas sobre isso!”, disse.

 

Fonte: Divulgação/PMB